Carteiras digitais | Digital wallets
Carteiras digitais | Digital wallets

Pix, carteiras digitais e link de pagamento: tendências no e-commerce brasileiro

Mesmo antes da pandemia do Covid-19 se instalar no Brasil, os pagamentos digitais já cresciam e se consolidavam no país, tornando-se uma tendência para 2020. Com o novo cenário, no qual as vendas no e-commerce avançaram 40% já nas primeiras semanas da pandemia, e onde os consumidores priorizam os pagamentos digitais, a adoção das carteiras digitais e link de pagamento também foi acelerada.

Além disso, um novo meio de pagamento também deve revolucionar a forma como os brasileiros compram no universo físico e online. O Pix, pagamento instantâneo desenvolvido pelo Banco Central, permitirá que transações ocorram em 2,5 segundos em média, e estará disponível 24 horas, 7 dias por semana, inclusive aos finais de semana e feriados. O método de pagamento será disponibilizado para a população no dia 16 de novembro de 2020.

Leia também: Pix: 10 perguntas e respostas sobre os pagamentos instantâneos no Brasil 

 

O que muda no e-commerce com a entrada do Pix

Muito se fala sobre a experiência de pagamento com o Pix no dia a dia. Mas como será essa prática no e-commerce?

Ao realizar uma compra no computador, o processo será muito semelhante ao de lojas físicas: ao selecionar o Pix no checkout, um QR Code será exibido na tela. O usuário poderá escanear o QR Code com o smartphone e os detalhes da transação são exibidos para confirmação.

Já no mobile, a sequência é ainda mais simples: depois de selecionar o Pix, um código será exibido. O usuário deve copiar o código, abrir o seu aplicativo do banco ou carteira digital para pagar com o Pix, selecionar “Pix Copia e Cola” e colar o código para confirmar a transação.

Como o pagamento é confirmado de forma quase instantânea, isso permite que o lojista libere o serviço ou o produto imediatamente, agilizando as operações e oferecendo uma experiência ainda melhor ao consumidor.

 

As carteiras digitais no e-commerce brasileiro

De acordo com a Sociedade Brasileira do Varejo e Consumo (SBVC), 58% das empresas fizeram alguma mudança na estratégia de meios de pagamentos durante a pandemia. Neste período, empresas adotaram sistemas de pagamento digital via app e carteiras digitais.

As carteiras digitais já demonstravam uma forte tendência de crescimento, com aumento previsto de 47% na participação no e-commerce até 2022. Essa tecnologia possibilita um checkout sem fricção, visto que o consumidor não precisa inserir os dados do cartão toda vez que realiza uma compra e pode autenticar a transação de forma simples e segura– usando a digital, por exemplo.

E esses benefícios resultam em um crescimento das carteiras digitais no e-commerce: com uma experiência de pagamento mais fluida, especialmente no ambiente mobile, as taxas de conversão aumentam.

 

Ampliando os canais de compra com o link de pagamento

O uso do link de pagamento também cresceu com a pandemia, já que surge como uma alternativa para que  lojistas que não possuam loja virtual possam vender online. Essa forma de pagamento consiste no envio de um link para o usuário através de um canal digital, como o Whatsapp por exemplo, que o levará até uma página de pagamento, sem que ele tenha que acessar o site da loja para concluir a compra.

Mas seus benefícios vão além de viabilizar a venda remota: no e-commerce, oferecer um link de pagamento também é uma excelente estratégia para aumentar as vendas. Além de ampliar os canais de vendas, é possível criar ofertas exclusivas aos seus consumidores mais leais e recuperar clientes que abandonaram o carrinho, gerando uma segunda oportunidade de conversão.

Na PagBrasil, seu e-commerce acompanha todas as tendências em pagamentos. Além do Payment Link, nossa solução para link de pagamento, também integramos com uma das principais carteiras digitais no Brasil: o Samsung Pay. Ainda, em novembro deste ano, estaremos preparados para oferecer o PagBrasil Pix e garantir a melhor experiência de compra para o seu cliente. Entre em contato conosco para conhecer nossas soluções!

 

Este conteúdo foi atualizado em 16 de novembro de 2020.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *