Brazil inflation | Gasoline price rise | Gasolina
Brazil inflation | Gasoline price rise | Gasolina

Como o aumento global do preço da gasolina vai afetar o e-commerce brasileiro

Entenda como o aumento da gasolina e da inflação no mundo pode afetar o e-commerce brasileiro.

O preço da gasolina aumentou 18% nas últimas semanas no Brasil – um ajuste a um valor já elevado devido à alta da inflação, hoje em 10,6% no país. O reajuste é uma consequência do conflito entre Rússia e Ucrânia, que levou ao aumento do preço do barril de petróleo.

Tal aumento afeta diversas áreas da economia – tanto local quanto internacional – e inclui o e-commerce brasileiro. Negócios de todos os tamanhos serão impactados pela alta da gasolina: afinal, quanto mais caro, maiores são os custos com frete, o que acaba refletindo nos preços anunciados online

 

Inflação no e-commerce

De acordo com estudo da EcomCrew, a inflação no e-commerce é causada “por uma série de fatores, mas a maioria deles gira em torno de uma infraestrutura de cadeia de suprimentos em dificuldades. O culpado mais óbvio, é claro, é o COVID-19 que, em retrospectiva, foi o primeiro dominó que caiu e colocou tudo em movimento, levando à crise em andamento”.

Leia também: Meios de pagamento que serão tendência em 2022

A economia global – assim como a brasileira – está lidando com uma crise desde o início da pandemia. Mas nós encontramos formas de fazer de limões, uma limonada. Apesar do cenário de incertezas, o e-commerce brasileiro projeta um crescimento de 34% até o final de 2022 e 56% até 2024.

Os principais motivos são a adoção de carteiras digitais, a expansão de métodos de pagamento instantâneos, como o Pix e links de pagamento, e a queda do dólar.

Leia também: Por que o e-commerce mobile impulsiona o crescimento das compras online?

 

Corrida ao dólar

Com o aumento contínuo da taxa Selic, o Brasil se torna cada vez mais atrativo para investidores no exterior. E, à medida que o dólar cai, os brasileiros também correm para comprar a moeda.

Um dos maiores bancos do Brasil revelou um aumento na demanda por dólar e euro no último mês. De acordo com o Bradesco, houve um aumento de 500% em comparação com fevereiro de 2021.

Para o e-commerce, isso significa que o consumidor brasileiro está disposto a comprar produtos do exterior, à medida que eles se tornam mais acessíveis. Se você é um lojista cross-border que quer expandir o seu negócio para o Brasil – ou, ainda, fortalecer o seu negócio já estabelecido no país – você pode se tornar parceiro da PSP especialista no mercado brasileiro. Entre em contato com o nosso time e nos ajude a entender como podemos ajudar você!

Camila Santiago

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esta página utiliza cookies para melhorar a experiência do usuário em nosso site. Ao clicar em "Aceitar", você concorda com a coleta e uso das informações para garantir a melhor experiência de navegação. Para saber mais, leia a nossa Política de Privacidade.

Aceitar