Editora Wish
Editora Wish

A história da Editora Wish, a editora de tesouros literários

Resgatar obras literárias originais, traduzi-las ao português e lançá-las Brasil a fora em uma edição encantadora. Esse é o trabalho da Editora Wish, que desde 2013 publica edições de livros raros e inéditos, com um design e ilustração exclusivos.

Contos de fadas, suspenses, fantasias e até mesmo biografias contemplam o portfólio da loja virtual. Marina Avlia, fundadora da Editora Wish, compartilha um pouco da história da empresa.

 

Os primeiros capítulos da Editora Wish

A Editora Wish nasceu de um projeto de TCC no curso da faculdade de Produção Editorial, que trazia contos de fadas originais. Entusiasmada com o resultado do trabalho, Marina decidiu abrir uma editora, inicialmente com apenas 300 exemplares, e observar o retorno. “Os exemplares foram vendidos ao longo de um ano. Eram poucos por dia, mas isso já me deixava feliz”, conta.

O segundo volume, financiado através de crowdfunding, trouxe novas obras. Mas foi com o desafio de lançar uma verdadeira raridade literária que a empresa encontrou o seu propósito. Por volta do ano de 2016, a Wish trouxe o livro que deu origem a um clássico do teatro e do cinema: Sweeney Todd, o barbeiro da Rua Fleet, foi lançado pela editora após financiamento coletivo.

 

“Foi a partir desse momento que decidimos o que queríamos fazer: o resgate de obras antigas e de obras raras. Dentro desses sete anos, a Wish vem crescendo de forma bastante sustentável a partir desse intuito”, conta Marina.

 

A equipe, formada exclusivamente por mulheres, hoje realiza a curadoria de obras literárias únicas e traz edições cuidadosamente diagramadas e ilustradas, dignas de um espaço de prestígio nas estantes de colecionadores e amantes da literatura.

 

O universo digital dos impressos

A Editora Wish iniciou as vendas online utilizando uma plataforma de e-commerce gratuita. Mais tarde, migrou para a plataforma Shopify e, hoje, utiliza o app da PagBrasil para processar pagamentos.

 

“O que eu gosto muito, e que nunca tive em outra plataforma de pagamentos, é o atendimento mais próximo. Se eu tiver algum problema, consigo falar com alguém. Com outras empresas, você manda um e-mail para o SAC, não recebe resposta, e aquele problema continua sem ser resolvido”, explica Marina.

 

Para Marina, além do atendimento, o Boleto Flash é um diferencial importante. “O Boleto Flash facilita bastante nossas operações, já que podemos reservar o livro para o cliente na mesma hora”, explica.

 

No mundo das assinaturas

Em abril de 2020, a Wish antecipou o lançamento de um projeto previsto somente para o segundo semestre: o Sociedade das Relíquias Literárias, o clube de assinaturas recorrentes da editora.

Com assinaturas a partir de R$ 8, a campanha visa a publicação mensal de contos antigos em formato digital. A iniciativa foi lançada mais cedo que o planejado para atender uma demanda impulsionada pela pandemia do Covid-19 – que também foi responsável pelo aumento no volume de vendas do e-commerce. “Graças ao formato digital e o preço mais acessível do que o de um livro físico, os leitores, mesmo durante a quarentena, poderão ter acesso a essas edições”, comenta Marina.

Além de facilitar o acesso à leitura de contos raros, os assinantes contribuem para o financiamento coletivo, viabilizando a publicação de mais tesouros da literatura mundial.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *