Christmas shopping in Brazil | Compras de Natal no Brasil
Christmas shopping in Brazil | Compras de Natal no Brasil

Compras de Natal no Brasil: 41% devem fazer compras online

Depois de mais uma edição bem-sucedida da Black Friday, os brasileiros ainda não encerraram suas compras de final de ano: de acordo com uma pesquisa realizada pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), 77% dos consumidores vão fazer compras de Natal este ano. Além disso, 41% disse que vão buscar produtos na internet, e outros 41% irão fazer compras em lojas físicas de departamento.

Este ano, a internet desempenhará um papel ainda mais importante na consulta de preços: 86% dos entrevistados disse que irá conferir preços online. Além disso, oito entre dez disseram que vão comprar ao menos metade dos presentes em lojas e-commerce. Preços competitivos, promoções e qualidade no atendimento ao cliente estão entre as principais razões que influenciam na decisão dos consumidores sobre onde comprar.

Os brasileiros também estão dispostos a gastar mais com presentes para familiares e amigos este ano. O estudo mostra que 37% dos consumidores pretende elevar suas despesas, e cada lembrança deve custar, em média, R$ 124,99. Quanto às categorias preferidas, 58% revelou que vão comprar roupas nesta temporada. Brinquedos aparecem em segundo lugar, com 40%.

 

Pagamentos parcelados nas compras de Natal

Embora muitos consumidores prefiram pagar pelos seus pagamentos em dinheiro, os pagamentos parcelados têm uma importância significativa durante a temporada de final de ano. De acordo com a pesquisa, 72% dos consumidores vão pagar suas compras em dinheiro, e 34% com cartões de débito; no entanto, 56% vão usar cartões de crédito, e 36% vão parcelar a compra.

Os brasileiros que vão parcelar seus pagamentos no cartão de crédito devem optar por uma média de cinco parcelas. Apesar dessa prática comprometer parte do orçamento nos meses seguintes, essa é a estratégia que 44% encontrou para conseguir comprar todos os presentes de Natal na sua lista.

Além disso, um terço disse que vai parcelar suas compras para poder adquirir presentes de maior qualidade, e o mesmo percentual disse escolher esse método de pagamento por hábito, mesmo que tenha condições de efetuar a compra à vista. Assim, esses consumidores garantem que seus orçamentos não sejam prejudicados no mês corrente.

 

Faturamento de final de ano

Dados da pesquisa revelam que quase 120 milhões de consumidores devem ir às compras durante a temporada. O faturamento total estimado é de R$ 60 bilhões.

No entanto, mesmo com esses números extraordinários, nem todos pretendem fazer compras neste Natal: 22% dos brasileiros disseram que vão reduzir seus gastos este ano porque querem economizar (38%), têm um orçamento apertado (31%), ou têm outras prioridades (15%).

 

O impacto da Black Friday nas vendas de Natal

A edição da Black Friday 2019 foi um verdadeiro sucesso: dados do Ebit|Nielsen mostram que no sábado, dia 1º de dezembro, o faturamento no e-commerce chegou a R$ 3.2 bilhões, mostrando um crescimento de 23.6% quando comparado a 2018. De acordo com o levantamento da Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo (SBVC), 40% dos consumidores brasileiros já planejavam aproveitar a data para antecipar algumas das suas compras de Natal.

Mas ainda que muitos consumidores tenham aproveitado a Black Friday para fazer suas compras de final de ano, a pesquisa da CNDL e SPC Brasil mostrou que 54% dos lojistas e donos de negócios não sentem que a última sexta-feira de novembro interfere no Natal – inclusive, 33% os entrevistados disseram que o evento, na realidade, ajuda a impulsionar as vendas durante a temporada. Isso porque, durante a Black Friday, os consumidores aproveitam os descontos para comprar produtos para si, especialmente eletrodomésticos e eletrônicos. Já para o Natal, a busca é por produtos para presentear familiares e amigos.

 

Seu e-commerce está preparado para a temporada de final de ano?

Pode ser que você esteja pensando que, depois de todo o preparo para enfrentar a Black Friday, seu e-commerce já está pronto para as vendas de Natal. No entanto, é importante destacar que as empresas devem redobrar os cuidados durante esta época, já que as festas de final de ano podem atrasar entregas.

Confirma algumas dicas para evitar problemas com o seu consumidor:

#1 Fique atento à logística

Com os feriados, algumas transportadoras reduzem sua operação entre o Natal e Ano Novo, o que pode impactar o prazo de entrega. Além disso, a distância entre cidades e a má infraestrutura das estradas pode se tornar um desafio ainda maior durante esta época do ano, em razão do trânsito carregado nas rodovias.

Portanto, é fundamental que sua loja exiba a data estimada de entrega da mercadoria, já considerando possíveis atrasos. Assim, seus clientes são informados se a compra deve ou não chegar em tempo do Natal.

#2 Informe sobre os prazos do boleto bancário ao cliente

Outro aspecto que pode atrasar a entrega é quando o cliente opta pelo pagamento com o boleto bancário. Como a data de vencimento é de, geralmente, 2 a 3 dias, e a confirmação do pagamento pode levar entre 1 e 4 dias úteis, a mercadoria pode ser liberada para a entrega quase uma semana depois que o cliente fez o pedido. Por isso, sempre informe o seu cliente que o processo de entrega é iniciado somente após a confirmação do pagamento

A PagBrasil oferece o Boleto Flash®, uma solução exclusiva que permite a confirmação do pagamento em menos de uma hora. Também é possível determinar a melhor data de vencimento, para que a mercadoria seja liberada para a entrega no mesmo dia em que o pedido foi realizado.

Além do Boleto Flash®, a PagBrasil oferece o PEC Flash®, que permite o pagamento em dinheiro para compras online em qualquer uma das 13 mil agências lotéricas do país.

 #3 Melhore a experiência do checkout

Reduzir os passos do checkout no seu e-commerce é algo que sua loja deve estar atenta o ano todo – porém, durante a temporada de final de ano, isso se torna ainda mais importante. Minimizar a fricção de pagamento ajuda sua loja a impulsionar as taxas de conversão e construir uma experiência de compra positiva, o que incentiva seus consumidores a retornarem para sua loja no futuro. Isso inclui recursos como o checkout transparente, layout responsivo para dispositivos mobile, compra com um clique, entre outros.

Além disso, oferecer uma ampla gama de métodos de pagamento é fundamental para o crescimento do seu negócio. Isso inclui não apenas o boleto bancário tradicional, como também cartões de crédito e débito de diferentes bandeiras, além de transferências bancárias.

As últimas semanas do ano são datas importantes para o e-commerce brasileiro. De acordo com dados do Ebit|Nielsen, o segmento registrou R$ 9.9 bilhões em faturamento durante os dias 15 de novembro e 24 de dezembro – e a Black Friday correspondeu a 26% do share de faturamento durante a temporada. Isso significa que, além de intensificar suas estratégias de marketing e vendas, seu e-commerce também deve estar preparado para a elevada demanda.