Recuperação de clientes com boleto: o que é e como configurar

Recuperação de clientes com boleto: o que é e como configurar

O boleto bancário é um dos métodos de pagamento mais populares no Brasil e é utilizado para efetuar aproximadamente 20% dos pagamentos online, segundo dados do Ebit. Muitos usuários preferem pagar com boleto bancário, seja pela segurança de não ter que inserir os dados do seu cartão na internet ou pela impossibilidade de pagar de outra forma. O boleto bancário permite fazer compras online sem necessidade de ter uma conta bancária ou cartão de crédito e pode ser pago facilmente em qualquer agência bancária ou entidade autorizada, como as lotérias, assim como via internet banking. Também supõe uma vantagem para o comerciante, pois é um método seguro no qual não há chargebacks nem riscos de fraude.

 

Apesar das suas vantagens, ao ser um método push requer que o cliente finalize ativamente o pagamento, o que adiciona um passo extra ao processo. Por isto, alguns lojistas preferem prescindir do boleto bancário para priorizar outros métodos de pagamento e assim garantir que o cliente finaliza a compra na hora. Esta é uma preocupação frequente em categorias de e-commerce como moda ou cosméticos, onde predomina a compra impulsiva. Nestes casos, otimizar a experiência de usuário na página para garantir que a compra é fechada no momento é primordial. No entanto, não oferecer a opção de pagar com boleto bancário no mercado brasileiro é um erro.

 

Além de ser um método seguro, o boleto bancário pode servir para recuperar clientes que abandonaram o carrinho de uma loja online antes de finalizar o pagamento da compra. Com a recuperação via boleto, é possível gerar uma segunda oportunidade de conversão. Este recurso pode ser utilizado tanto por lojistas que já oferecem o pagamento com boleto na sua página de checkout quando aqueles que preferem ocultá-lo para favorecer outros métodos de pagamento.

 

 

Como funciona a recuperação de clientes via boleto

 

O recurso de recuperação de clientes via boleto requer dois elementos básicos: um checkout adaptado para a captura de dados chave do cliente e um sistema que gere e envie os boletos bancários automaticamente para aqueles clientes que não tenham finalizado o pagamento.

 

Há diferentes motivos pelos quais a compra possa ficar incompleta, mas normalmente os motivos são a desistência por parte do cliente ou um erro no processamento do pagamento. Um exemplo deste último é quando o cartão não é aceito, mas outros problemas comuns são falhas na conexão com o banco ou o uso de cartões de crédito invés de cartões de débito e vice-versa.

 

Como funciona? O primeiro passo é adaptar o checkout para captar os dados necessários para gerar o boleto bancário. Isso pode ser feito de várias formas, algumas lojas online exigem um registro e depois utilizam estes dados do usuário. Outras lojas preferem inserir um formulário na página anterior ao pagamento ou na mesma página de pagamento.

 

Depois de obter os dados do potencial comprador, se ele abandona a página de pagamento sem que o pagamento seja confirmado, envia-se uma ordem automática para a API do processador de pagamentos para que gere um boleto bancário com o mesmo valor e o mande por e-mail. O sistema da PagBrasil está preparado para isto e permite personalizar dados como a data de vencimento de um boleto ou o tempo que deve passar entre o abandono do checkout e o envio do e-mail.

 

Outra vantagem adicional é que também é compatível com o Boleto Flash®, o único boleto que oferece a confirmação ao lojista do pagamento em menos de 3h em dias úteis. Isto agiliza o processo e favorece a rapidez na entrega.

 

 

Vantagens do método

 

A principal vantagem da recuperação de clientes via boleto é explicada no seu próprio nome: oferece a oportunidade de recuperar um cliente que já tinha abandonado a loja e facilita a conversão deste cliente. Também cabe destacar os seguintes aspectos:

 

  • Estratégia com custo baixo
  • Se utiliza um serviço que não cobra pela emissão de boletos, como é o caso da PagBrasil, somente é preciso pagar pelo envio do e-mail em si. O custo desse envio pode variar segundo o plano contratado, mas em todos casos sempre falamos de, no máximo, uns centavos por boleto enviado. No caso que o boleto seja pago pelo cliente, também se gera uma cobrança pelo processamento do pagamento. De todas formas, esta cobrança não se aplica quando o cliente não finaliza o pagamento.

     

  • Automação do processo
  • Uma vez já estão feitas as configurações personalizadas, que precisam ser programadas pelo comerciante, todo o processo já será automático. É uma boa oportunidade para aumentar as conversões sem ter que dedicar esforços do time de marketing nem recursos humanos para fechar a venda.

 

Você já testou alguma estratégia para recuperar os clientes que abandonaram o carrinho? O que você acha do sistema de recuperação via boleto? Se tiver dúvidas ou opiniões sobre o assunto, por favor deixe o seu comentário abaixo.

Julia Hartmann