Importância dos marketplaces no e-commerce brasileiro

O modelo de negócio de marketplace cresceu exponencialmente no Brasil nos últimos anos. Ao longo de 2017, os marketplaces consolidaram sua posição no mercado de e-commerce do país. Além da Amazon ter expandido suas operações no Brasil – anteriormente somente vendia livros – outros agentes já estabelecidos no mercado, como o Mercado Livre, também aumentaram seu volume de vendas.

 

A receita de vendas provenientes de marketplaces – tanto de produtos novos como usados – alcançou um total de R$ 73,4 bilhões, 29,1% mais do que no ano anterior, segundo o último relatório Webshoppers da Ebit. Considerando somente a venda de novos produtos, o segmento acumulou R$ 8,8 bilhões, representando quase 18,5% da receita total do e-commerce no Brasil.

 

 

Por que os marketplaces são tão relevantes no Brasil?

 

Os números falam por si mesmos e mostram a relevância dos marketplaces para os lojistas de e-commerce no Brasil. Na realidade, muitos comerciantes baseiam toda sua presença de e-commerce nos marketplaces. No entanto, é importante que os lojistas online sejam cuidadosos ao apostar todas as suas ficas nas plataformas de marketplace, principalmente devido as constantes mudanças que ocorrem no ambiente, como as novas regras do Banco Central para marketplaces.

 

Além dos grandes nomes como Amazon, Mercado Livre, B2W e Cnova, há uma grande lista de marketplaces de nicho no Brazil. Apesar de os negócios entenderem melhor o que são os marketplaces e como eles funcionam, os consumidores ainda têm dificuldades em entender o conceito de marketplace e quem é responsável por cada coisa no processo de compra.

 

Segundo a Ebit, 43% dos consumidores digitais afirmam conhecer o termo marketplace. No entanto, somente 62% destes souberam explicar realmente o que é.

 

marketplaces

 

Apesar de não entenderem completamente o modelo de negócio, 89% dos compradores que compraram em marketplaces disseram ter tido uma experiência positiva. Quando questionados pelos motivos para optar por comprar em marketplace (multi-resposta), as principais respostas foram “melhor preço” (74%), “mais variedade” (53%), “disponibilidade” (29%) e “melhor seleção” (27%). De modo geral, 58% dos consumidores digitais no país são considerados heavy users de marketplace, comprando nestas plataformas quatro vezes ou mais ao ano. A média no Brasil é de cinco compras em marketplaces por ano.

 
 

Solução de pagamento para marketplace

 

Um dos desafios para donos de marketplaces é configurar uma solução de pagamento. Alguns optam por gerenciar os pagamentos por eles mesmos. Coletam o valor total de todas as compras realizadas nas suas plataformas, cobram sua comissão e posteriormente pagam os vendedores. Por outro lado, cada vez mais donos de marketplace escolhem usar uma solução automatizada para o split de pagamento. A PagBrasil, por exemplo, oferece uma solução completamente automatizada que se encarrega de todo o processo de pagamento: processamento e coleta, bem como as liquidações para marketplaces e todos seus vendedores.

 

Se deseja saber mais sobre nossa solução de pagamento para marketplace, contate-nos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esta página utiliza cookies para melhorar a experiência do usuário em nosso site. Ao clicar em "Aceitar", você concorda com a coleta e uso das informações para garantir a melhor experiência de navegação. Para saber mais, leia a nossa Política de Privacidade.

Aceitar